Lembrança Eterna de uma Mente sem Brilho


End is the beginning of the end is the beginning of…
22-junho-2006, 7:18
Filed under: Diatribes

A linda, estupenda, maravilhosa Tata escreveu o seguinte: “Só quem viveu sabe chegar nesse lugar, sabe caminhar pela praia, deitar no gelo e dizer “Ok”. Dizem que é irreversível, que o tempo destrói tudo e o que amedontra é essa sensação de que as lembranças vão se acabar com a distância e com o tempo. Mas o amor é indestrutível. Dizem até que ele é eterno, que o que muda são as pessoas. Será? Não importa. O que importa é não desistir de de se permitir sentir esse amor. E viver ele até a luz se acender e o THE END aparecer na telona.”

Eis a minha resposta…

Mas o que torna-se mais difícil é aceitar um novo amor sem os medos e os pré-conceitos presos das últimas quebras do coração. É tentar e se jogar sem pensar no que já passou, nos pré-requisitos básicos criados a partir da cicatrização depois da perda, na procura pela perfeição – embora essa mesma não exista.

Gostar por vez é ótimo. Satisfaz minhas necessidades de carinho. Alimenta meu ego. Me conforta, afagando minha auto-estima. Amar, pra mim, é uma entrega, a soma do desejo com o conforto (como já expliquei aqui antes) que merece tamanha atenção e disposição que não está nem perto dos meus planos. Posso até achar que nunca será possível eu amar alguém, mesmo porque esse verbo é, pra mim, falso – não coincide com a realidade dos sentimentos que sinto pelas pessoas.

‘Amar’ de novo seria ótimo, mas não amo porque não acho ninguém que mereça tamanha dedicação minha e do meu espírito. E não achei ninguém que unisse os quesitos desejo e conforto da maneira que acho necessária para me sentir realmente atraído por tal ser. Mas veremos. Life is like a box of chocolates…

Anúncios

1 Comentário so far
Deixe um comentário

Valeu pelo linda, maravilhosa e estupenda… Vc é um bom amigo! rs
Quanto a esse medo de se entregar eu já escrevi sobre ele também, num post chamado EM CARNE VIVA… queeu encerro dizendo:
“Assim como esse guerreiro, as pessoas passam a vida de uma forma ou de outra buscando o amor. Mas ao contrário do que eu pensava, elas não vestem uma armadura para se proteger do ataque. Elas a removem porque desistem de lutar, de dar a cara à tapa, de pôr a mão no fogo e queimar mais ainda uma pele que já está em carne viva.”
Ainda bem que eu sou casca grossa, se não já tinha desistido faz tempo… rs Beijos!
Tata | Homepage | 06.22.06 – 8:02 pm | #

Compartilho com você desse medo… mas acho uma pena sentí-lo. Preferia me sentir mais disponível, mais aberta a outros relacionamentos sem tantos grilos.
Viva | Homepage | 06.22.06 – 8:52 pm | #

A pessoa que ama e se entrega totalmente tem a possibilidade de se dar bem ou se dar mal. Se se deu bem, ÓTIMO. Se entrou pelo cano, ÓTIMO TAMBÉM porque pelo menos tentou. Não existe coisa melhor do que ter emoções. O medo é pior do que o objeto do medo. Abrir todas as portas e janelas da alma é meio caminho andado para encontrar o grande amor. Beijocas
Yvonne | Homepage | 06.23.06 – 8:57 am | #

Comentário por Bruno




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: