Lembrança Eterna de uma Mente sem Brilho


Esse mercado
8-outubro-2008, 1:01
Filed under: Diatribes

Olha, eu tenho dinheiro na bolsa. Já tive mais, perdi bastante, ganhei menos, e ainda tenho coisas presas lá. Estou numa encruzilhada imensa. Não posso mexer no que tenho agora. Não posso nem ver o que tá lá dentro até o ano que vem, quando tudo (espera-se) se estabilizar.

Peguei o bonde no pior ano possível. 2007 foi eufórico, lindo, maravilhoso. Entrei no final do ano passado e só tomei cano. Só me fudi. Ganhei um pouco, mas no geral me acabei nessa porra.

Realmente é preciso muita paciência e tranqüilidade nessas horas. Porque dá vontade de jogar tudo pro alto, esquecer um pouco as coisas e parar com essa vida de apostas. Minha vida tá seguindo um caminho parecido – ando me cansando de tantas apostas, de tantas esperanças jogadas em movimentos de tanto risco.

Chega um momento que dá uma vontade incrível de sentar o rabo num lugar seguro e seguir a vida com mais calma e menos tormenta. Tem uma frase do Manfredini que anda rondando minha cabeça há dias. Não consigo tirá-la da cabeça.

Quem me dera, ao menos uma vez, ter de volta todo o ouro que eu entreguei.

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: